16 outubro 2010



ah, eu desconfiei
juro que não acreditei
que eu ia me apaixonar
assim de cara
pela tua cara
por isso tudo
que era você


quem ia dizer
da gente se encontrar
disso acontecer
você tinha que ver
a hora que me fitou
quando se apaixonou
quando a gente se fez


(Cáh Morandi)

4 comentários:

Luana Ferraz disse...

Esse poema um dia foi meu, hoje não mais, apenas um coração em retalhos, tentando se recompor para mais um inesperado...

ESPERO QUE NÃO TARDE!

µrsiŋђα Ѽ  disse...

um lindo e doce poema.

bjs de mel
ursinha

L. disse...

ela é muito doce... ótima escolha...
vamos colher poesias

beijo querida

Carola Guimarães disse...

Apaixonante! :)